web analytics

o que são landing pagesComo já mencionamos outras vezes, dificilmente seu tráfego virá diretamente pela homepage. Cada vez mais, os usuários têm utilizado os buscadores ou clicado em links compartilhados nas redes sociais para acessar novas páginas.

Esses usuários devem ser recepcionados da maneira correta para que deixem de ser visitantes casuais e se tornem frequentadores assíduos do seu site e, possivelmente, consumidores fiéis.

Para esse fim, temos as Landing Pages, ou páginas de entrada/ destino!

 

 

O que é exatamente uma Landing Page?

 

As landing pages são uma espécie de recepção para o visitante casual. Ele provavelmente não tinha intenção de entrar especificamente no seu site, mas, por algum motivo, acabou por acessá-lo. O que fazer com esse visitante? Como convertê-lo em tráfego frequente e evitar a temida bounce rate?

Todos nós já sabemos como desenvolver uma homepage para torna-la atrativa. Quando o usuário não entra no site através dela, porém, o que devemos fazer? Bem, é aí que podemos desenvolver algumas estratégias para tornar essas páginas, as landing pages, tão atrativas quanto as homepages.

O intuito é despertar uma necessidade por parte do usuário. Você quer que ele aja de uma maneira específica para obter o resultado desejado – o famoso “call-to-action”. Por exemplo, se você está vendendo um produto e anuncia em algum site, as pessoas que clicarem no anúncio cairão automaticamente na sua página. Qual seu objetivo com isso? Que elas comprem, obviamente! E a call-to-action da vez é fazer com que essa pessoa de fato finalize a compra.

 

 

Quais estratégias podem ser estabelecidas na landing page?

 

Vamos por partes… Qual será o primeiro contato que o usuário terá com sua landing page? Mesmo estando com algum objetivo em mente, o usuário deve ser seduzido e, para isso, pode ser desenvolvido um título atrativo e que resuma a essência de sua página.

O usuário deve ter sua atenção capturada. Para isso, o layout da landing page deve cumprir seu papel – e, felizmente, diversos sites oferecem modelos simples de landing pages que podem ajuda-lo a montar a página de entrada ideal.

Com o layout definido e o título chamativo, passamos para um fator muito importante: a sensação de urgência. Se você está vendendo um produto, não quer que seu consumidor em potencial mude de ideia e deixe de compra-lo, certo? Logo, a sensação de urgência serve como um reforço no convencimento de que o produto ou serviço em questão é mesmo essencial.

Muitos sites colocam contadores que indicam quanto tempo falta para o fim de uma promoção, por exemplo. Se você deseja conquistar inscritos, pode selecionar um limite para inscritos e, com isso, as pessoas brigarão com o tempo para se inscrevem em seu site. Só se lembre de manter o marketing de conteúdo em dia para oferecer conteúdos relevantes para o público recém-conquistado.

 

 

Credibilidade é tudo!

 

Você tem pouco tempo para conquistar seu usuário. Ele está em sua página porque clicou num anuncio e pode sair a qualquer momento para entrar no site concorrente que oferece um produto similar ao seu. Qual fator pode definir que o escolhido final será mesmo você?

A resposta é: credibilidade. Mas como passar a ideia de credibilidade em tão pouco tempo? Você pode colocar testemunhos de outros clientes que ficaram satisfeitos com o mesmo produto, por exemplo. Além disso, se você tiver um número considerável de seguidores nas redes sociais, pode exibir esse dado na landing page para mostrar o quão numeroso é seu publico.

Por fim, facilite a ação que você deseja criar nos usuários. Se a intenção é fazer com que ele compre um produto, deixe o botão de comprar em destaque e bem visível. Facilite o processo de compra e evidencie o quão seguro ele é. É interessante pensar no call-to-action como algo singular, ou seja, você deseja despertar apenas UM objetivo com esse artifício. A partir do momento em que você deixa seu consumidor indeciso quanto ao que fazer, significa que o propósito da landing page não está muito bem definido.

Lembramos que é importante tratar a landing page como algo que pode ser aperfeiçoado. A primeira vez que você colocar a landing page no ar, será com base nas interações com clientes e na sua própria intuição. Por isso, ela pode não trazer os resultados desejados inicialmente. Não tenha medo de admitir que modificações sejam necessárias e aplique-as o mais rápido possível. Só assim, você se certificará de que as landing pages estão cumprindo com aquilo que você e seu público esperam.

Você já pensou em tratar as diversas áreas de seu site como landing pages? Já tentou aplicar esse conceito? Qual foi o resultado obtido? Não deixe de compartilhar sua experiência com a comunidade do Dicas de Hospedagem através da seção de comentários!



Você também vai gostar de:

Share This