web analytics

Como conseguir um emprego: este é o tema chave de diversos artigos, resenhas e guias. Há revistas especializadas, sites voltados a esse assunto, blogs informativos e até mesmo programas de TV que desenvolvem fórmulas mágicas para você conquistar o emprego dos seus sonhos. As informações mais valiosas em um currículo, o passo a passo de como se portar em dinâmicas, a melhor maneira de se preparar para uma entrevista… Como tudo isso tem colaborado para o sucesso de sua carreira?

Consideremos a questão do currículo como exemplo. É comum ler ou ouvir especialistas dizendo que é preciso cautela na quantidade de informações que estarão discorridas no currículo. “Seja breve”, uns dizem. “Coloque apenas o necessário”, outros completam. Se você busca pelo primeiro emprego ou possui uma carreira profissional relativamente curta, é fácil conter as informações. Mas e no caso do profissional com mais de dez anos de carreira, que pretende buscar um emprego melhor ou mais adequado às suas necessidades? Como ele irá enumerar as empresas que trabalhou, as funções que exerceu e os cursos que ingressou e, ao mesmo tempo, ser breve?

Já pensou em um website pessoal para suprir essas exigências? Lá, você pode colocar o conteúdo que quiser e os visitantes acessam apenas aquilo que consideram conveniente. Não estamos dizendo para os profissionais – experientes ou não – deixarem os currículos de lado, bem como toda a preparação para dinâmicas e entrevistas, para se concentrarem apenas na Internet; apenas apontamos mais um canal que, se bem explorado, colabora na conquista de um emprego.

 

 

Deixe sua marca no mundo digital!

 

Algo comum entre os contratantes é verificar as referências dos contratados na web – e não nos referimos apenas ao lado profissional. Muito da vida pessoal de cada candidato a uma determinada vaga pode ser visto nas redes sociais e, como qualquer outra informação, colabora ou não com a imagem. Portanto, mantenha público apenas o conteúdo que não seja prejudicial a você. Qualquer site que permita a criação de um perfil possui esse tipo de configuração.

Já explicamos os benefícios de ter um site pessoal, mas foquemos um pouco mais no assunto. Você já pensou no processo de criação? Se você possui algum conhecimento de html ou sabe desenvolver uma página na Internet, esse processo pode ser simples. Entretanto, se você – como a maioria dos profissionais – não sabe criar um site, pense em programas que possam auxiliá-lo, como o Wix, e num bom servidor e numa empresa de hospedagem de qualidade. Verifique a questão de suporte 24h e toda a relação custo-benefício que atenda seus interesses. Algumas empresas de hospedagem ajudam com o registro de domínio e até com o design. Pesquise bem!

Tirar proveito de SEO também é importante. Faça o necessário para que seja fácil encontra-lo nos mecanismos de busca. Um site pessoal ou blog é um meio de alcançar isso. Pense também nas mídias sociais e nos benefícios que trazem para SEO. Mais uma alternativa são os guests posts em blogs de terceiros, principalmente os corporativos. Empresas sempre buscam usuários especialistas em determinados assuntos para desenvolverem artigos. Se uma quantidade considerável de artigos de sua autoria for publicada, seu ranking nos sites de busca alavancará. Até uma página que faça um link externo para artigos de outros sites pode ser proveitosa. Apenas certifique-se de que você está realmente dando os créditos aos outros sites e, principalmente, assine o feed de notícias. Além de colaborar com o site em questão, você sempre será avisado por e-mail quando um novo conteúdo for postado. Não há desvantagem aqui!

Pensando ainda nos sites e blogs corporativos, não deixe de manter contato com eles! Firme relações com profissionais qualificados e busque por recomendações deles. Como citamos anteriormente, os contratantes sempre procuram boas referências dos candidatos.

 

 

Já criou sua marca no mundo digital? Agora, aprenda a usá-la!

 

Mandar o link de seu site como complemento do currículo enviado para o empregador é uma boa ideia. Pense bem: uma página no WordPress pode ser seguida por outros profissionais, enquanto um fórum de discussão administrado por você tem o potencial de sediar debates e discussões sobre assuntos que podem fazer referência à vaga que você busca. Se você tem a capacidade de ministrar páginas como as citadas, imagine como seu futuro chefe pode se impressionar? Sem contar os benefícios que isso traz para SEO!

Outro site interessante que pode causar uma boa impressão nos contratantes é o Twitter. Isso acontece porque o Twitter possui diversas funcionalidades interessantes para comunicação e divulgação, e, se você souber usá-los, deixará evidente que conhece as principais ferramentas das redes sociais. Além disso, o Twitter obriga você a falar diretamente com as pessoas através de mensagens breves. Sendo assim, além de compartilhar posts de maneira que os usuários que seguem seu perfil compreendam, você deve se preocupar em incluir nas mensagens apenas o que for de fato relevante. A utilização de hashtags também é valida, pois seus posts ultrapassarão as fronteiras de seus seguidores. Por falar em seguidores, siga de volta apenas os perfis que têm o potencial de aderir algo positivo à sua imagem na Internet. Não dê espaço para spammers ou perfis que não tem relação alguma com o segmento do seu. Pensar em qualidade ao invés de quantidade é primordial aqui.

 

 

E, por fim, o feedback

 

Não pense apenas no retorno positivo. A Internet está cheia de usuários que estão prontos para enviar comentários negativos sobre o conteúdo disponível em suas páginas. Tente apagar as opiniões destrutivas e, no caso das construtivas, dedique um pouco de seu tempo para a) discordar delas e provar através de argumentos validos que você está certo ou b) concordar com elas e, se possível, emprega-las na manutenção de sua imagem na web. Isso ajuda a mostrar como você lida com situações adversas. Como você lidaria com um cliente insatisfeito de seu empregador, por exemplo?

Devemos considerar também os usuários que podem deixar de acessar seu site pessoal. Isso acontece frequentemente até com websites constantemente atualizados, logo, imagine se você abandonar sua página ou postar novos conteúdos esporadicamente? Pior do que não ter um site é ter sua imagem ligada a um site desatualizado. Mantenha o bom trabalho e o conteúdo em dia.

Como última dica, talvez mais um conselho, destacamos: reserve um tempo para você. Sabemos que é possível trabalhar na sua marca no mundo digital a qualquer momento, mas pense na atividade como se fosse um trabalho. Você possui folgas semanais e, principalmente, horário para início e fim de expediente em seu trabalho, certo? Pois faça o mesmo aqui! Dedique os finais de semana para outros afazeres. Talvez um tempo longe do mundo virtual pode até ajuda-lo a traçar novas estratégias para beneficiar sua imagem na Internet.

Agora, vamos fugir um pouco da construção de sites, e pensar na entrevista de emprego. Se você ainda não conhece, vale muito a pena assistir o vídeo a seguir, que a Heineken produziu. Think out of the box!


 



Você também vai gostar de:

Share This