web analytics

Devido à demanda por segurança, serviços de confiança tornaram a tecnologia da virtualização popular no segmento da hospedagem de sites. Enquanto muitos usuários não estão prontos para lidar com os custos e a responsabilidade que os servidores dedicados acarretam, outros estão descobrindo que servidores compartilhados não são necessariamente a melhor solução para as operações.

A hospedagem VDS surge para solucionar essa questão. Novidade dentro do campo da virtualização, essa tecnologia oferece um controle maior que o de um servidor compartilhado e a mesma performance de um servidor dedicado com custo reduzido. Já comentamos a diferença entre hospedagem VPS (Virtual Private Server), hospedagem VDS (Virtual Dedicated Server) e VM (Virtual Machine). Hoje, vamos focar um pouco mais na tal hospedagem VDS, e conhecer melhor seus atributos.

 

 

Mais sobre a hospedagem VDS

 

Hospedagem VDSAbreviação para Virtual Dedicated Service (ou Serviço Virtual Dedicado), a hospedagem VDS é criada por um software de virtualização que divide um único servidor físico em diversos servidores isolados. Neste caso, o benefício da hospedagem em VDS refere-se à segurança de um servidor dedicado por um investimento que não ultrapassa consideravelmente o valor de um servidor compartilhado.

Depois da divisão, o VDS é alocado em seu próprio disco de armazenamento com transferência de dados para maior estabilidade. Além de possuir seu próprio sistema operacional junto dos servidores isolados, a hospedagem VDS oferece um servidor de e-mail e possibilita o acesso remoto para a instalação de novos softwares, permitindo a customização.

Graças à divisão dos servidores, essa tecnologia não permite que seu serviço seja impacto pelo mau funcionamento dos servidores de outros clientes VDS. Diferente da hospedagem VPS, o VDS possui, mesmo que virtualmente, todos os recursos de um servidor completo.

 

 

Hospedagem VDS x Hospedagem Compartilhada: diferenças e benefícios

 

Na hospedagem compartilhada, diversos websites são armazenados em um único diretório – o que, por si só, representa um risco. Usuários com algum conhecimento de configuração podem acessar e modificar arquivos de outros usuários, ganhando assim um nível perigoso de acesso. Outro ponto a ser considerado é a estabilidade: esse tipo de hospedagem exige que parte dos recursos seja compartilhada com o cliente. Isso inclui o sistema operacional, a CPU, memória, disco rígido e aplicativos. Dependendo da situação, um problema técnico em uma única conta pode prejudicar todo o servidor, tornando-o lento ou podendo, em casos mais severos, derrubá-lo.

Com VDS, os servidores são completamente isolados um do outro, gerando uma privacidade equivalente a de um servidor dedicado, administrado apenas por um usuário. Na hospedagem VDS, você está protegido contra quaisquer atividades realizadas pelos outros usuários.

Desempenho é outro problema recorrente na hospedagem compartilhada. Mesmo quando nenhuma ação maliciosa ocorre, um usuário pode prejudicar todo o servidor. Por exemplo, se um dos usuários carrega o tráfego utilizando muita banda, o servidor sofrerá redução de velocidade, o que prejudica a experiência de navegação de quem acessa os sites hospedados no servidor em questão. Com a hospedagem VDS, isso não acontece.

Em suma, VDS é a melhor alternativa para quem busca por desempenho a baixo custo. Você não precisará se preocupar com outros usuários consumindo toda a memória disponível, e a estabilidade, segurança e privacidade conquistadas tornam a hospedagem VDS a tecnologia mais próxima dos servidores dedicados. Onde encontrar? As melhores empresas de hospedagem de sites possuem ótimos planos, vale a pena conferir!

 



Você também vai gostar de:

Share This