web analytics

O centro de processamento de dados que o Dicas de Hospedagem vai apresentar nesta semana fica no Texas e pertence a uma das maiores empresas de tecnologia do mundo. É o datacenter da Cisco Systems na cidade de Allen. Para quem não conhece, a empresa é uma das líderes mundiais em soluções para comunicações e redes de internet. Além disso, a Cisco trabalha com armazenamento de dados para empresas. Só no Brasil conta com clientes como o hospital Albert Einstein e as Casas Bahia.

Voltando a falar do datacenter do Texas, o local fica muito perto de outro datacenter da Cisco. Mais exatamente 15 quilômetros ao norte da sede da Cisco em Richardson. O datacenter é novinho em folha: foi inaugurado neste mês de abril de 2011. O local apresenta uma série de características de eficiência energética e está equipado com as mais recentes tecnologias da Cisco para a construção de infra-estrutura unificada para aplicações em cloud computing.

Os dois datacenters vão trabalhar como espelho. O nome deste sistema é “active-active” e funciona da seguinte forma: se um dos locais tiver alguma falha, o outro acaba cobrindo este problema. Isto acontece porque as operações dos CPDs vão agir de forma sincronizada. Ou seja, se os dados são atualizados em um dos centros de dados, as alterações são instantaneamente sincronizadas ao outro. Tudo utilizando tecnologias de cloud computing.

Para economizar energia a Cisco está trabalhando com uma estrutura unificada criada por um sistema da própria empresa (sempre lembrando que roteadores são um dos carros chefes de negócios da Cisco): a Cisco Unified Computing System. A tecnologia busca ligar os dados utilizando um sistema próprio. Em resultados reais, esta estrutura unificada permitiu economizar nada menos do que US$ 1 milhão em cabeamento na instalação de Allen.

Em relação a segurança, a Cisco também investiu muito: o edifício foi projetado para suportar ventos de até 175 mph e tem sistemas avançados anti incêndio e aquecimento. O novo centro de dados da Cisco usa um chão térreo em vez de um desenho de piso elevado. Isto foi escolhido para aproveitar melhor o espaço do local. Isto foi baseado no design do datacenter de Richardson. Uma lagoa capta água da chuva para irrigar o local, que tem plantas resistentes à seca. Paisagismo também faz parte do datacenter.

O centro de dados é resfriado por um design que reduz a necessidade de refrigeração mecânica, usando o ar fresco do ambiente quando a temperatura exterior é baixa. A Cisco calcula a unidade pode usar  o ar exterior em 65% do tempo. A empresa espera economizar US$ 600.000 por ano em custos de resfriamento, contribuindo para o green computing. A empresa também usa energia solar para alimentar o local. Isto faz do local um belíssimo datacenter em relação a economia de energia.

Confira outras postagens da nossa série

https://dicasdehospedagem.com/dicas-de-hospedagem-inicia-serie-com-os-maiores-datacenters-do-mundo/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-a-tecnologia-“verde”-da-ibm/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-uol-datacenter/

https://dicasdehospedagem.com/serie-maiores-datacenters-do-mundo-os-intelig-data-center-idc/

https://dicasdehospedagem.com/serie-maiores-datacenters-do-mundo-a-estrutura-que-alimenta-o-facebook/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-a-estrutura-do-datacenter-da-locaweb/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-a-tecnologia-da-microsoft/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-a-tecnologia-do-cpd-da-telefonica/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-a-tecnologia-verde-da-sun/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-conheca-o-primeiro-cpd-tier-iii-do-brasil/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-a-tecnologia-tier-iii-da-t-system-brasil/

https://dicasdehospedagem.com/serie-sobre-os-maiores-datacenters-do-mundo-datacenter-alog/



Você também vai gostar de:

Share This