web analytics

Como ter sucesso em uma revenda de hospedagem de sites?

Planejando começar uma revenda de hospedagem? Conheça os principais requisitos técnicos

Se você oferece serviços com base na web, como desenvolvimento e design de websites ou fortalecimento da presença de marcas na Internet, pode considerar a opção de começar uma revenda de hospedagem para adentrar e tirar proveito de um segmento que, até então, não era alcançado.

Pode parecer exagero de nossa parte, mas acredite: criar uma revenda de hospedagem é muito mais simples do que se imagina. Ferramentas como o cPanel tornaram a tarefa mais fácil do que antes, e as diversas opções existentes nesse nicho atendem qualquer necessidade, seja ela qual for.

Há, entretanto, alguns requisitos técnicos a se considerar antes de dar início a sua revenda de hospedagem – e é justamente sobre isso que falaremos agora. Vamos lá?

 

1 – Escolhendo o servidor

 

Aqui é onde a relação custo-benefício mostra-se mais forte. Quanto maior for o diferencial do servidor, mais custoso será o investimento nele, ao passo que nem sempre as alternativas mais baratas são as melhores.

Servidores dedicados e hospedagem VPS (Virtual Private Server) representam as melhores opções em desempenho, enquanto servidores compartilhados possuem um valor mais em conta, porém podem levar a uma performance fraca e, eventualmente, a falhas de segurança.

Para determinar qual tipo de revenda será a sua, é preciso considerar os seguintes elementos:

 

  • Monitoramento da hospedagem: Convenhamos: é muito confortante saber que sua revenda está sendo monitorada por uma equipe que cuida do servidor vinte e quatro horas por dia. Tendo uma equipe como essa, não será preciso nem mesmo realizar a manutenção do servidor por conta própria; eles fazem isso por você!
  • Proteção DDoS: Vamos partir do princípio de que seu servidor sofrerá algum tipo de ataque malicioso – e  isso acontece com praticamente todas as empresas de hospedagem. Uma proteção DDoS ajuda a evitar ou ao menos limitar esse tipo específico de ataque.
  • Serviço de Backup: Ter um bom serviço de backup é essencial. Só assim você garante a integridade de seus dados. Algumas empresas de hospedagem já oferecem esse tipo de serviço em seus planos, logo é válido priorizá-las. Dentre as diversas vantagens, está a possibilidade de reverter uma atualização indesejada ou um upgrade que não gerou o resultado desejado.

No fim das contas, o que importa é que seus clientes estejam satisfeitos e seguros com o ambiente proporcionado pela sua empresa. Sendo assim, leve sempre isso em consideração para influenciar positivamente suas escolhas.

 

 

2 – O painel de controle

 

Já falamos sobre isso em outras publicações do Dicas de Hospedagem, mas não cansamos de repetir: o cPanel é a melhor opção para o painel de controle de sua revenda de hospedagem. Dentre tantas alternativas (gratuitas e pagas), o cPanel é ideal pelo fato de ser indicado tanto para o usuário experiente, como para os iniciantes. Vídeos tutoriais ajudam os administradores a se familiarizarem com o cPanel e suas ferramentas, e a performance realizada pelo mesmo só comprovará sua efetividade. Vale a pena conhecer!

 

 

3 – Programas para cobrança

 

Esses softwares são muito importantes porque, dentre tantas tarefas que podem executar, está uma das principais de toda revenda de hospedagem: a suspensão do serviço em caso de não pagamento. Além disso, os programas ajudam na manutenção do servidor, organização de pedidos e cobranças, afiliação de mercado e até mesmo nos avisos automáticos de possíveis irregularidades.

Recomendamos o software WHMCS para cuidar das cobranças. Além de realizar todas as tarefas acima e possuir uma interface interativa e de fácil utilização, o programa oferece a opção de contratação mensal de serviços ou a compra de uma licença única.

 

 

4 – O certificado SSL

 

Focando na ideia de segurança do servidor, lembre-se de conseguir o certificado SSL para manter privados os números de cartões de crédito ou outras informações particulares de seus clientes. Para se certificar ainda mais da segurança de sua empresa, considere hospedar o programa de cobrança numa conexão segura (HTTPS).

Quanto ao certificado SSL, um dos mais populares provedores é o GoDaddy. Não deixe de conferi-lo!

 

 

5 – Formas de pagamento

 

A mais utilizada ainda é o PayPal, mas consideramos válido encontrar uma outra forma de pagamento para lidar apenas com as transações de cartão de crédito. Isso ajudará a protegê-lo contra fraudes e o isentará da responsabilidade de assegurar o processo de pagamento.

Novamente, mencionamos o WHMCS devido ao suporte que o programa dá para as mais variadas formas de pagamento. Dentre elas, destacam-se: 2checkout, Amazon Simple Pay, Bidpay, Google CheckOut e o Payza. E por que não considerar também a moeda Bitcoin?

Esperamos que essa publicação ajude não apenas a direcionar melhor sua empresa, como também a mostrar que iniciar sua própria revenda de hospedagem pode ser mais fácil do que você pensa.

 

Dúvidas ou sugestões? Não deixe de participar do Dicas através da seção de comentários!

 

>>Bônus Dicas de Hospedagem<<

 

Se você já tem uma empresa de revenda hospedagem e ainda não conseguiu alavancar seu negócio, ou melhor ainda, se pretende abrir uma empresa de revenda do jeito certo, conheça nosso ebook “Sua Revenda de Hospedagem”, desenvolvido integralmente pelo DicasdeHospedagem.com.

O que você vai encontrar no ebook?

  • Aprenda a  dominar a parte técnica
  • Ofereça um suporte excelente
  • Cresça ordenadamente
  • Consiga novos clientes constantemente!

Esse será apenas o começo de uma nova fase da sua empresa. Leia o ebook, e aprenda o passo a passo para o sucesso da sua revenda de hospedagem de sites!

 

Ebook GRÁTIS: Sua Revenda de Hospedagem

 



Você também vai gostar de:

Share This