web analytics

Ficar com o site fora do ar é um dos maiores prejuízos que um webmaster pode ter. A maioria das vezes este problema acontece quando os servidores da empresa que fornece a sua hospedagem de site saem do ar. Porém, nesta última semana algo incomum ocorreu. Metade dos servidores responsáveis pelo conteúdo dos sites com domínio no Brasil ficou inoperante. Como é uma situação atípica, muitos administradores de sites ficaram preocupados. Mas nenhum grande impacto foi percebido.

A situação que estamos descrevendo aconteceu no dia 06/05. Três dos seis servidores que são utilizado no sistema raiz da internet brasileira ficaram fora do ar. Os servidores são responsáveis por traduzir todos os endereços da web com final .br. Ou seja, eles são essenciais para o acesso destes sites. A consequência inicial desta falha foi o congestionamento de sites nacionais, já que todo o tráfego ficou por conta de metade dos servidores.

O problema aconteceu durante uma atualização da configuração por parte dos clusters (conjunto de computadores) de metade dos servidores responsáveis pelo número de protocolo dos sites brasileiros. Por precaução, estas máquinas foram tiradas do ar. Inicialmente por cinco minutos. Depois o período foi estendido para duas horas. Não se sabe o impacto real dos problemas nos sites brasileiros, mas acredita que cerca de 10% das operações tiveram este problema.

Vamos explicar como funcionam os servidores nacionais: sempre quando você quer fazer uma página da internet é obrigada a registrar o domínio no site http://registro.br. O nome do seu site é chamado de DNS (Domain Name System – Sistema de Nomes de Domínios). O serviço dos servidores é traduzir o endereço IP em endereço DNS (no caso só se o site tiver o final .br). Trocando em miúdos, trata-se de transformar um monte de números em um nome que faça sentido para quem acessa.

Um problema nos servidores “raiz” da rede nacional pode ocasionar, na pior das hipóteses, a retirada do ar de todos os sites com domínios brasileiros. Isto aconteceria se todas as máquinas tivessem problemas. No caso do dia 5 de maio, os servidores que permaneceram ligados deram conta do tráfego. Foi preciso para alguns administradores de sites mexer na configuração do cache de suas páginas. Por isso, apesar da 50% de falha do sistema nacional, apenas 10% apresentaram problemas.

Os servidores que falharam estão localizados na cidade de Barueri no datacenter da empresa Terramark. A empresa opera no Brasil desde 2004 e faz o mesmo tipo de trabalho outros países. É raríssimo acontecer este tipo de problemas em servidores nacionais, mas estas falhas sempre levantam o sinal amarelo para quem administra sites. Como foi dito no início desta postagem, um dos maiores pesadelos dos webmasters é ter a página de internet fora do ar.



Você também vai gostar de:

Share This