web analytics

Cada site na Internet está hospedado em um servidor que é gerenciado através do uso de um sistema operacional, conceptualmente similar ao modo como seu computador pessoal funciona. Esse aspecto da hospedagem de sites é freqüentemente ignorado, e muitos webmasters iniciantes sequer sabem em qual sistema operacional seu plano de hospedagem se baseia. Nos dias de hoje, se você não sabe qual sistema operacional seu serviço de hospedagem usa, há uma grande chance de que seja alguma distribuição Linux. O Linux é, de longe, a escolha padrão de sistema operacional para quase todos os provedores de hospedagem.

Os planos de hospedagem mais baratos e confiáveis geralmente usam Linux em seus servidores porque o sistema é gratuito e open source, além de ser simples de instalar e configurar. Entretanto, o Linux nem sempre foi tão conveniente ou popular como é hoje, e em um dado momento era apenas usado por corporações com departamentos de TI e profissionais do ramo residentes. Ao longo dos anos, o Linux desmembrou-se em várias opções (as distribuições), muitas delas amigáveis ao uso até do usuário mais iniciante. A seguir estão algumas das razões mais mencionadas para usar o Linux em servidores de hospedagem ao invés do Windows.

O Linux é Open Source

Como software open source, o Linux é compatível com virtualmente qualquer plataforma de programação além daquelas nativas do Windows (ou de outras tecnologias proprietárias da Microsoft). Algumas das linguagens de programação compatíveis com Linux e que são extremamente populares são conhecidas como os três ‘P’s: PHP, Perl e Python. Como o sistema operacional é aberto, novas linguagens de programação podem ser desenvolvidas usando a base do Linux, de modo a garantir compatibilidade futura, e linguagens já existentes podem ser adaptadas para o funcionamento no Linux. Essas características possibilitam que serviços de hospedagem ofereçam suporte instantâneo a novas tecnologias e continuem a expandir suas capacidades tecnológicas com uma plataforma open source, altamente popular e portanto com um grande número de desenvolvedores ativos em todo o mundo. Em um ambiente de servidores Windows, as empresas de hospedagem precisam necessariamente aguardar as atualizações da Microsoft, e não podem adicionar melhorias técnicas diretamente ao sistema operacional.

Estabilidade e segurança

Surpreendemente, embora o sistema seja gratuito, é geralmente muito mais confiável que o Windows, já que qualquer desenvolvedor pode realizar tarefas de manutenção sem que seja preciso esperar pelo fabricante do sistema. Isso faz do Linux uma solução estável que pode ser mantida por virtualmente qualquer desenvolvedor competente. A segurança do Linux também é bastante conhecida, o que é uma razão adicional para as pessoas utilizarem o sistema para hospedagem de sites, uma indústria em que a segurança deve ser uma preocupação central. Servidores Linux efetivamente mantêm seu site livre de worms e vírus de terceiros que podem comprometer a segurança do seu negócio online. Essa proteção confiável minimiza o tempo de downtime e mantém seu site no ar sem problemas durante mais de 99,9% do tempo, salvo por problemas de hardware ou configuração deficiente.

Limitações limitadas

O Linux não carece de limitações, obviamente. Por exemplo, a incompatibilidade óbvia com tecnologias Microsoft pode ser uma grande barreira para alguns, embora isso seja bastante específico. Por exemplo, o Microsoft Sharepoint não pode ser instalado em servidores Linux sem o uso de virtualização. Felizmente, se você tem experiência suficiente, pode instalar um software de virtualização e rodar o Windows ‘dentro’ do Linux, eliminando completamente essas limitações. Assim, há pouquíssimas limitações no Linux, e é fácil ver por quê ele progrediu tão rapidamente de uma solução privativa para pública nas duas últimas décadas.

Alguns usuários que não estejam habituados com hospedagem de sites podem criar expectativas sobre a hospedagem Linux que não são reais. Por exemplo, o sistema operacional do servidor do seu site não precisa ser o mesmo do usado no computador que acessa o site. Assim, se você é usuário do Windows ou do Mac OS, vai poder acessar normalmente um site hospedado em servidor Linux. Não há incompatibilidades ou interferências. Embora para os habituados isso seja óbvio, essa é uma dúvida muito recorrente entre os usuários que pretendem hospedar um site pela primeira vez e deparam com ‘hospedagem Linux’ na lista de características.



Você também vai gostar de:

Share This