web analytics

Na semana passada o Dicas de Hospedagem começou a mostrar como as ferramentas do Google para Webmasters podem ajudar um site a se posicionar melhor nas buscas. Como é o “consultor de SEO” oficial do Google, o site é um dos mais indicados para a melhora de posição nas buscas. Depois de mostrar como trabalhar com as keywords da sua página web, nesta semana vamos mostrar como usar outros recursos do Google Webmasters. Veja quais são eles:

Veja aqui a primeira parte do nosso tutorial

Tutorial para Google WebmastersErros de rastreamento: Neste item você pode verificar todas as páginas do seu site que foram bloqueadas por robots.txt ou que são links quebrados. Esta informação é útil para você verificar qual é o conteúdo duplicado no seu site, uma vez que estes são o maior motivo de bloqueios por parte de robots.txt. Ao verificar quais páginas são duplicadas, você pode fazer modificação de conteúdo, tags e outros elementos para fazer o seu site render melhor.

Links externos e internos: Uma boa forma de gerenciamento de links externos e internos é através do Google Webmasters. Há uma lista dos sites que mais linkam o seu e das páginas que mais têm links externos. Você pode verificar rapidamente quando receber um link externo novo. É uma forma mais de ver se aquela parceria com outro site deu certo. Cruzando este dado com os dados da posição das páginas dentro do Google, você pode perceber quais são os links externos que mais rendem para SEO.

Sitemaps: É outra das importantes funções do Google Webmasters. Se o seu site é muito grande, há grandes possibilidades do Google não conseguir rastrear todas as páginas. Isto resulta em perdas de posições e de visitas. Este problema é resolvido com o uso de sitemaps. Você pode enviar um arquivo XML ou um feed/RSS para o Google avisando como é o mapa da sua página. A posição nas buscas melhora consideravelmente quando você envia o sitemap através do Google Webmasters.

Detalhes técnicos do seu site: Você consegue verificar tempo de carregamento da página, erros de HTML ou vírus no seu site. Sem a ferramenta do Google seria difícil verificar estes problemas. E uma vez identificado, fica mais fácil de ser resolvido.

Google +1: Uma novidade desta ferramenta é a adição das estatísticas do Google Plus 1 (ou +1). Há a possibilidade de você conseguir segmentar o público através dos +1 que o seu site recebe. Esta informação é valiosa para você, uma vez que com isto você consegue identificar um perfil dos seus usuários. Além disso, você também pode verificar o impacto que o +1 tem feito no algoritmo de pesquisas.

Depois de mostrar tantos recursos, só resta a você se cadastrar nas Ferramentas do Google para Webmasters e otimizar o seu site em relação as buscas. Se ainda não sabe como fazer, veja esta postagem que explica como funciona o cadastro e também como trabalhar com keywords nesta útil ferramenta de SEO.



Você também vai gostar de:

Share This