web analytics

Escolher servidor de hospedagem

Nós sempre destacamos o bom desempenho dos servidores dedicados, que por vezes justifica o preço elevado. O problema é que algumas empresas de hospedagem tendem a ser mais reativas e menos proativas.

O que isso significa?

Basicamente, elas estão prontas para lidar com eventuais problemas técnicos e dúvidas por parte dos clientes, mas não se resguardam a fim de evitar que as falhas aconteçam. Isso talvez possa parecer um exagero de nossa parte, mas lembre-se que a reputação do servidor dedicado baseia-se justamente em sua qualidade, e não apenas no tempo de resposta diante de algum problema.

Logo, o que devo fazer para que minha empresa de hospedagem seja proativa? E, mais importante, o que um usuário deve procurar numa empresa de hospedagem que oferece o servidor dedicado como opção?

 

Proteção contra ataques DDoS.

O ataque DDoS é arquitetado por hackers e gera um tráfego além do que o servidor comporta. Isso significa que o mesmo pode demorar a carregar ou até mesmo sair do ar, o que pode gerar alguns transtornos para empresas que dependem do uptime para divulgação e faturamento.

Sua empresa de hospedagem pode até responder rapidamente a este tipo de problema, mas que tal tomar as providências para evitar que ele aconteça? Existem soluções disponíveis, como monitoramento constante do tráfego ou programas oferecidos por empresas como a Limestone, que garantem proteção contra ataques DDoS e evitam eventuais transtornos, garantindo que o site permaneça no ar.

Se você, como usuário, estiver procurando por uma empresa de hospedagem, lembre-se de verificar se a mesma oferece algum tipo de proteção contra ataques DDoS.

Ranking top 10 hospedagem de sites

 

Problemas com hardware.

Sabemos que muitas empresas tomam providências para evitar problemas de hardware, como substituição de peças antigas e testes constantes, mas esse tipo de problema ainda pode ocorrer. Com isso, alguns usuários chegam até a perder dados, o que pode causar um dano irreversível ou irrecuperável ao website. Como se precaver nesse caso?

A ideia é utilizar o sistema RAID (Redundant Array of Independent Disks, ou Conjunto Redundante de Discos Econômicos, em português) para que os dados possam ser recuperados. O sistema RAID permite que dois ou mais discos sejam instalados e, com isso, as informações são armazenadas em todos eles. Quando um dos discos apresenta algum tipo de problema, pode ser substituído quase que imediatamente por outro disco. Como as mesmas informações estarão disponíveis neste segundo disco, elas não serão perdidas.

Essa precaução ajuda também a melhorar seu tempo de resposta diante de alguma eventualidade.

Se você for um usuário que procura um servidor para hospedar seu site, lembre-se de verificar se a empresa oferece o sistema RAID ou alguma outra maneira que garante a reposição de dados perdidos.

 

Gerenciamento de servidor.

O ponto crucial é o seguinte: sua empresa de hospedagem deve possuir uma equipe dedicada ao gerenciamento do servidor. Isso melhora toda a área de suporte e mostra uma disponibilidade por parte da empresa que, da perspectiva do cliente, pode fazer toda a diferença.

Com isso em mente, podemos partir de dois princípios: 1) o cliente possui uma empresa grande e 2) o cliente possui uma empresa de pequeno porte ou com o mínimo de demandas tecnológicas.

Quanto maior a empresa, maior é a necessidade de uma equipe de TI própria e especializada no monitoramento do servidor. A diferença é que, numa empresa grande, a equipe de TI da empresa de hospedagem contratada serve como uma espécie de “extensão” da equipe de TI da própria empresa do cliente, enquanto num empreendimento pequeno, a equipe de TI da hospedagem pode fazer todo o serviço, ou seja, a empresa do usuário não precisa necessariamente arcar com os custos de uma equipe de TI própria.

Independente de qual for a situação, o gerenciamento do servidor é necessário, desde situações simples de serem resolvidas, como a instalação de um software, até problemas mais sérios, como um ataque que ocasione downtime.

Você possui uma empresa de hospedagem? Já oferece os três serviços que listamos nesta publicação? Se ainda não, não perca tempo! E se você for um usuário, lembre-se de exigir essas características para a empresa que pretende contratar. Só assim, você tem a certeza de que seu site permanecerá seguro e apresentará um bom desempenho.

Continue ligado no Dicas de Hospedagem para mais informações sobre hospedagem e servidores!



Você também vai gostar de:

Share This