web analytics

Abrir Revenda de Hospedagem

Revendas de Hospedagem de Sites é um dos negócios virtuais mais procurados por aquelas pessoas que buscam empreender na internet (ou apenas ter uma renda extra). O que é muito bom para o usuário que procura pelo serviço: há uma diversidade de planos e recursos bem grande atualmente, e quanto maior a concorrência, melhor a oferta.

Contudo, para quem revende, é realmente um bom negócio? Saiba que, como todo negócio, há prós e contras trabalhar com revenda de hospedagem. A revenda de hospedagem pode sim ser um negócio lucrativo – e pode complementar o seu negócio, se você é um webdesigner, por exemplo. É uma opção de renda extra bem interessante.

 

O que é a revenda de hospedagem?

 

 

Revender hospedagem nada mais é do que levar aos clientes e usuários serviços diferentes de hospedagem. O seu papel será configurar, gerenciar e operar a estrutura de sites, e-mails e domínios da sua empresa e de seus clientes. O primeiro passo é saber que há diferentes tipos de serviços – eles são oferecidos pelas empresas de hospedagem do Brasil e de outros países e a sua função é ser um revendedor credenciado.

 

  • Revenda de hospedagem: É a versão mais comum para começar um negócio de Hosting (hospedagem). São planos simples que você poderá gerenciar a partir de um painel de controle – se você já hospedou em grandes empresas de hospedagem, deve conhecê-los. Lembre-se de que você irá atender às pessoas com e sem qualquer conhecimento na área. O seu plano de revenda será alocado em uma máquina compartilhada com outras empresas de hospedagem ou pessoas comuns, garantindo o sigilo de todos os dados.
  • Hospedagem em um VPS: O VPS (Virtual Private Server) refere-se a uma parte maior do servidor principal.
  • Servidores Dedicados: Um servidor dedicado fornece todos os recursos de uma máquina de um servidor único. Quando uma empresa contrata um plano de servidor dedicado, não divide seus recursos com ninguém e este é gerenciado e mantido pelo datacenter.
  • Servidores de Colocation: Nesta opção, você pode optar por armazenar e executar sua máquina a partir de um datacenter.

 

Como se tornar um revendedor de hospedagem?

 

Para se tornar um revendedor de hospedagem, segue algumas dicas:

 

1) Aprenda mais sobre o mundo de hosting, sobre o gerenciamento de e-mails e serviços de domínio e outros temas relacionados ao assunto.

2) A revenda de hospedagem funciona como a revenda de outro serviço qualquer. É preciso dedicação, esforço e algum capital inicial.

3) Você irá precisar dos seguintes itens para começar:

  • Um computador potente.
  • Internet de alta velocidade.
  • A linha telefônica dedicada ao negócio.
  • Uma conta bancária com o nome da empresa.
  • Um site dinâmico para o seu negócio.
  • Um gateway ou um intermediador dos seus pagamentos.
  • Registro da sua empresa – muitas empresas de hospedagem só aceitam parceiro com CNPJ.
  • Uma área de trabalho privada em sua casa ou escritório.

 

4) Você precisa trabalhar com uma boa empresa de hospedagem. Verifique a reputação, as melhores condições, data center próprio suporte 24/7/365, diferentes plataformas (Windows e Linux), opções satisfatórias de planos e outros detalhes interessantes aos seus clientes.

5) Defina o preço sobre o apresentado pela empresa. Considere os seus custos operacionais.

6) Facilite o pagamento dos clientes, com opções de débito automático, por exemplo. Nunca deixe o cliente na mão, estabelecendo também um atendimento seguro para ele, em diferentes canais.

 

 

Pontos positivos e negativos

 

Como todo negócio, há pontos negativos e positivos na revenda de hospedagem. Veja agora alguns deles:

Pontos positivos:

  • Renta extra justa, que pode ser bem alta quando você garante a fidelidade de seus clientes e tem um grande número de interessados.
  • Você não precisa comprar equipamento algum, no máximo um computador pessoal.
  • Mais tarde, você pode crescer o seu negócio, ofertando outros serviços, como design e desenvolvimento de sites, registro de domínios, revenda de temas para WordPress e elaboração de blogs, por exemplo.
  • Poderá trabalhar de qualquer lugar, a qualquer momento.

 

Pontos negativos:

 

  • É preciso ter muito conhecimento em hospedagem.
  • É preciso saber resolver problemas nos momentos mais inusitados.
  • Trata-se de um negócio 24/7/365 e você receberá e-mails e telefonemas durante as férias e aos finais de semana.
  • Você irá trabalhar com pessoas que desconhecem o assunto e terá elas como dependentes, e para isso, é preciso muita paciência.

 

Em suma, abrir uma revenda hospedagem é sim um excelente negócio. Contudo, é preciso estar respaldado por uma empresa de hospedagem de sites de confiança, possuir bastante conhecimento técnico da área e o principal: dedicação e atenção aos clientes (acredite, gerenciá-los será a parte mais difícil!).

Você tem alguma experiência com revenda de hospedagem? Compartilhe conosco!



Você também vai gostar de:

Share This